TÉCNICA PARA MELHORAR A CONCENTRAÇÃO E AS ENERGIAS

1. Eleve os pensamentos, sentimentos e aspirações ao Grande Arquiteto do Universo.

2. Manifeste boa vontade e amor por todos os seres.

3. Usando a concentração, visualize uma tocha acesa em sua cabeça. A base da tocha está fixada em sua glândula pineal (epífise)* e sua abertura acesa está bem no centro do chacra coronário (chacra da coroa, lótus das 1000 pétalas). O fogo é azul turquesa. Esse fogo é alto, mas suave. Permaneça assim por cerca de um minuto.

4. Visualize que o fogo torna-se violeta. Fique assim por um minuto. Se a cor do fogo mudar sozinha, sem o concurso direto de sua vontade, pode deixar, pois o chacra coronário pode convertê-la em uma cor mais apropriada a seu caso no momento.

5. Se desejar firmar melhor sua concentração, pense em um mantra de real significado para você e que expresse algo bom. Sugestão: "EU SOU!" (em sânscrito: "SO HAM", significa uma auto-afirmação de que a divindade mora em seu coração); ou simplesmente o "OM"; ou a palavra "LUZ" ou "AMOR". O mantra deve ser repetido mentalmente com firmeza no centro do chacra frontal.

6. A seguir, visualize uma bola de luz dourada no centro interno de seu peito. É como um sol de ouro aceso no centro da caixa peitoral.

7. Procure manter a concentração (firme, porém pacífica) nos dois pontos ao mesmo tempo. A tocha acesa no alto da cabeça e a bola dourada acesa no peito. Fique assim por cerca de uns três minutos.

8. Pense em coisas boas. Sinta que você é luz.

9. Agradeça ao Supremo Amor as chances de crescimento.

10. Tenha confiança espiritual e lembre-se dos amparadores extrafísicos.

11. Essa prática dissolve bloqueios energéticos, aumenta o poder de concentração e preenche a pessoa de lucidez e aspirações positivas.

12. Lembre-se de uma coisa: aqui ou em qualquer lugar, seu ego (o meu também e o de todo mundo) não vale nada. Por isso, faça alguma coisa e combata a inércia de sua consciência.

13. Paz e luz!

- Wagner D. Borges -
São Paulo, 22 de dezembro de 1998.
/*


* Glândula pineal: Glândula endócrina situada no centro do crânio, bem abaixo dos dois hemisférios cerebrais. É a sede dos principais filamentos do cordão de prata e da raiz do chacra coronário. Está ligada à vários fenômenos parapsíquicos e sua ativação energética é essencial no despertar da consciência.

Texto <87><18/02/1999>

ImprimirEmail