1660 - HÁ ALGO MAIS... UM AMOR, UMA LUZ*.

1660 ha algo mais um amor uma luz
 
HÁ ALGO MAIS... UM AMOR, UMA LUZ*.
(Um Recado Espiritual Carinhoso e Inspirador)
 
Querida, que a Luz Maior possa te preencher de Amor e Alegria...
Assim como o orvalho vivifica as plantinhas, tua coragem e teu arroubo espiritual tem vivificado, de várias maneiras, a muitas pessoas que perderam alguém próximo.
Teu nome está escrito no Livro de Luz do Senhor, pois tu és trabalhadora e seguidora da Lei Eterna.
Navega sempre com o Senhor no barco de tua vida...
Às vezes, o mar é tempestuoso e a viagem se torna difícil.
Porém, ninguém disse que a travessia da vida é fácil.
Enche tua boca de Luz e tonifica os teus pulmões...
Aspira o orvalho espiritual em tuas meditações.
Sempre te espero e, na hora justa, nós nos encontraremos!
Tua luta é luminosa... então, continua.
Que o Senhor da Vida te guie, hoje e sempre.
 
- Anônimo –
(Recebido espiritualmente por Wagner Borges.)
 
- Nota de Wagner Borges:
Recebi esse recado de um mentor extrafísico que orienta o trabalho de uma amiga espiritualista* que, após a passagem de um ente querido, dedicou-se a ajudar outras mães que perderam seus filhos. Nesse processo, ela cresceu muito e transformou a dor da perda em trabalho ativo e regenerador. Na época em que ele me passou essa mensagem, ela estava se recuperando de um problema respiratório. As palavras dele eram tudo que ela precisava naquele momento. Aliás, o carinho dele se revela no próprio teor do recado... é emocionante e inspirador ver algo assim.
Afinal, há algo mais... Um Amor e uma Luz**.
 
- Notas do Texto:
* Esses escritos serão inseridos no segundo volume do livro “Há Algo Mais... Um Amor, Uma Luz”, que estou revisando para publicação em breve.
Obs.: O primeiro volume do livro está disponibilizado para download gratuito nesse link:http://www.ippb.org.br/blog/livro-ha-algo-mais-um-amor-uma-luz
** Por motivos de privacidade dela, mantive o nome de minha amiga no anonimato. O importante é o conteúdo dos escritos e as reflexões que os mesmos suscitarem em outros corações.
Obs.: Enquanto eu editava essas linhas, rolava aqui no meu som a música “Dance of the Dervish”, do músico alemão Parijat. Então, deixo, na sequência, o seu link no Youtube.
https://www.youtube.com/watch?v=uLHlbVRU5QM
 

Texto <1660><06/02/2019>

Tags: Wagner Borges

Imprimir