PEDRAS ROLANTES...

Pedras Rolantes...
Nos caminhos do mundo.
Às vezes, elas se amam.
Outras vezes, elas se chocam.
São pedras vivas!

Estão no mundo para aprender.
Por vezes, criam limo.
Rolam por aí...
E dentro delas tem coração.

Pedras rolantes, viventes...
Que nem a gente.
Rolam e sonham...
E também querem ser felizes.

São pedras vivas, sim.
Porque são filhas do Papai do Céu.
E lá no Céu, Ele ri e diz: “Viver é aprender!”

Pedras rolantes, viventes...
Elas rolam. Elas ralam. Elas amam.
Enquanto rolam, aprendem.
Porque “todo tempo é tempo de crescer”.

Pedras rolantes...

- Companhia do Amor –
A Turma dos Poetas em Flor.
(Recebido espiritualmente por Wagner Borges – São Paulo, 02 de setembro de 2009.)

ImprimirEmail