Lucidez e o nosso cérebro

Pensamento do dia 11 de novembro de 2014.

Lucidez e o nosso cérebro

"A maioria das pessoas não só acha natural deixar-se levar pelas emoções, pelas efervescências e pelas paixões, como também acha que é isto que dá sabor e intensidade à existência. Mas será que elas alguma vez se perguntam sobre o estado em que estará o seu cérebro quando precisarem refletir para resolver problemas importantes e compreender as verdades essenciais da vida? Para que o seu cérebro seja sempre resistente e disponível, vocês devem ser prudentes e comedidos em todas as suas atividades e, principalmente, procurar dominar os movimentos da sua vida psíquica. Senão, mesmo que o maior sábio viesse revelar-lhes o enigma do universo, vocês não compreenderiam nada, não veriam nada. O que seria um pecado. Então, estejam atentos para não desperdiçarem o seu tempo e as suas energias com preocupações que os enfraquecem. É assim que estarão despertos e lúcidos quando se apresentarem para vocês as verdades que lhes abrirão o caminho da luz e da libertação."

Omraam Mikhaël Aïvanhov


Esse texto é recebido da Edizioni Prosveta em italiano, e traduzido para o português (do Brasil), com o objetivo de difundir as mensagens do Mestre Omraam Mikhaël Aïvanhov.

Imprimir Email