EM CADA FACE

Nada posso te ensinar sobre Deus,
Mas posso te falar sobre Amor.
O amor por si só, que não é só meu , nem é só teu,
Que arde no peito e afasta a dor.
Amor que se sente pela amada, que se passa ao filho.
Amor disfarçado de Mãe ou Pai, amor de sincero amigo.
Nada posso te ensinar sobre a Deusa,
Mas posso te dizer algo sobre Compaixão.
A compaixão pelos que ainda não enxergam
E seguem tateando na incerteza.
Compaixão para os que brincam de maus
E que enxergam no mundo somente tristeza.
Compaixão no peito, rosa-dourada,
Por todo ser vivo que encontramos em nossa jornada.
Nada posso ensinar sobre verdades,
Mas posso te contar sobre o que aprendi.
Esse aprendizado tem pouco a pouco me tornado
Um homem feliz, sereno e bem humorado.
Descobrindo e compartilhando com o mundo meu ponto de vista,
Sobre a beleza do mundo e a riqueza da vida.
Se Ele ou Ela está realmente por aqui ou por lá,
Não posso afirmar nem pretendo provar.
Mas sei que, cedo ou tarde,
Todos vão enxergar, sem dificuldade,
O verdadeiro ser divino em cada ser vivo, em cada face.

- Frank -
Londres, janeiro de 2003.

Imprimir Email