INVESTIGANDO UMA PROJEÇÃO

Seu Chico deitou na cama às 22h30min.

Completamente relaxado, enquanto seus pensamentos lutavam entre o trabalho que precisava terminar no computador, e as práticas para sair do corpo, pegou no sono e acabou adormecendo com a imagem da vizinha boazuda na cabeça.
- 00h01min: Começou a sonhar com a vizinha.

- 00h10min: Seu corpo astral foi visto pairando sobre o seu corpo físico. O sonho com a vizinha continuou com a participação especial do Tarcísio Meira.

- 00h20min: O seu corpo astral foi visto longe do quarto, na verdade estava sentado em frente ao computador, como se fosse usá-lo, mas a testemunha afirma que o corpo extrafísico do Seu Chico parecia um zumbi olhando para o computador.

- 00h22min: O sonho com a vizinha ganhou um enredo de filme de faroeste, e Seu Chico era o mocinho; o Careca (um sujeito estranho que fala sobre viagem astral e espiritualidade numa lista da Net) era o bandido, e a vizinha, é claro, era a mocinha.
O onirismo (1) começou a tomar conta e Seu Chico já não sabia se era o mocinho ou o bandido, ou se o Careca era o Tarcisio Meira ou a vizinha. Mas ao perceber que a vizinha ia mudando de forma e se transformava em um sujeito careca, usando óculos e parecendo com um ator de filmes de terror dos anos 50, o Seu Chico se deu conta que só podia estar sonhando.
Lembrou das mensagens da lista de projeção astral, e começou a dar passe nas imagens do sonho, e aí percebeu que as imagens iam se dissipando e ele se viu sentado em frente ao computador.

00h32min: Seu Chico acha que está acordado. Ele pensa: “Pô! Dormi em frente ao computador. Que estranho, eu me lembro de ter deitado e... Ops... Só pode ser uma projeção astral.”

Com um sorriso maroto e um ar de "vou voar", Seu Chico dá uma olhada em volta e vê o seu corpo físico babando em cima da cama, e sente aquela sensação esquisita de “Pô! Num parece comigo, eu sou mais bonito que aquilo. Eu vivo dentro disso?"

Entre suas ponderações filosóficas sobre o corpo que o carrega na vida física, ele sente uma presença.

00h33min: Seu Chico sente que há mais alguém no quarto além dele e daquele corpo na cama. Ele só consegue notar uma silhueta, um vulto, e começa a repetir vários mantras e tudo que vem à sua cabeça para aumentar a sua lucidez, e de repente começa a ver a imagem da sua vizinha e ela vai se transformando pouco a pouco no Careca.

- Oh, Não!!!! Luz! Luz!!Luz!!!

00h45min: Seu Chico retorna ao corpo rapidamente com o susto. E desperta sentindo que algo mais ocorreu entre aquele sonho com a vizinha e as cenas de bang-bang. Ele tenta se recordar, e ops... Acha que cometeu um mico, pensou que o Careca (aquele sujeito estranho da lista de bate papo na Net) era um obsessor extrafísico.

00h46min: O Careca retorna às suas assistências astrais e jura para si mesmo que não vai mais perder o seu tempo tentando ajudar esses amadores a sair do corpo durante as suas projeções.


PS. O seu Chico é um pseudônimo de um colega que não quer se identificar, mas achou que seria interessante revelar sua experiência.
Experiência secreta ocorrida em meados de janeiro de 2001.

- Frank -
Londres, janeiro de 2001.

1. Onirismo: Relativo aos sonhos, que são experiências oníricas.

Imprimir Email