Viagem Espiritual - Um Presente de Luz

 Viagem Espiritual - Um Presente de Luz
 
 
VIAGEM ESPIRITUAL – UM PRESENTE DE LUZ
(Na Partida da Estrelinha, Uma Viagem na Luz da Vida Imperecível)
 
Pequenina, que a Luz proteja o seu viver por onde você for.
Que a Mão Luminosa do Ancião dos Dias afague o seu coração.
Sabe, eu a vejo realmente, na essência, em seu corpo de Luz*.
Você é minha irmã; somos seres estelares agrilhoados na carne por um tempo.
Mas, não deixamos de ser espíritos só porque viemos ao mundo material.
O seu corpo doente está lá embaixo, dormindo o sono da infância.
Mas você está aqui comigo, voando além da carne, em espírito, no meio da Luz.
Quem olha o seu pequeno corpo magro, vergado pela dor, só vê sua pele negra.
No entanto, eu a vejo aqui, bem brilhante. E como você é linda, pequenina.
Não sei seu nome nem de onde você é; só sei que você é linda!
Não sei como, mas há Alguém Maior, invisível, lhe ajudando secretamente.
Nada sei de suas condições cármicas**, só sei que uma Presença Maior nos ligou.
Não posso curar o seu corpo, mas posso ficar aqui abraçado com você.
Como se você fosse minha filha querida, no Amor do meu coração.
O seu corpo físico é pequeno, mas você é grande! E luminosa.
E nós estamos voando juntos, na Luz; e Alguém vela por nós secretamente.
Alguém que patrocinou nosso encontro fora do corpo, em espírito e verdade.
Que me fez pegá-la no colo, para enchê-la de Amor e energia.
Na verdade, eu tenho sorte de encontrá-la, estar aqui me faz feliz.
Estar com você me ensina a arte de suportar o sofrimento com estoicismo.
Querida, não sou eu que a curo; é você que me cura com esse olhar tão claro.
Você está no meu colo, mas nós dois estamos no Colo Invisível de Deus.
E Alguém nos embala secretamente nessa viagem espiritual***.
Nossos corpos estão lá embaixo dormindo; mas aqui, nós somos duas estrelas.
O seu corpinho está ardendo em febre. É chegado o tempo de você seguir...
Ah, eu sei que Alguém Maior cuida de você espiritualmente e sabe o que rola.
Esse Alguém que me trouxe até você, para embalar o seu espírito na Luz.
Essa Luz, que brota do meu coração e que agora entra em seu coração.
Essa Luz da eternidade, que vem do Coração do Grande Espírito.
Essa mesma Luz que a faz adormecer aqui em meu colo.
Essa mesma Luz, à qual entrego você, em espírito, para novas jornadas.
Para que Aquele Alguém secreto a guie de volta para casa, nas estrelas.
A dor ficou lá embaixo. Agora é hora da Luz e de rever os amigos espirituais.
Os “grilhões prateados” se partiram. É hora de você voar livre novamente.
Pequenina, estão lhe esperando no céu das crianças. É hora de brincar!
Eu ainda fico por aqui, pois não é minha hora; preciso voltar ao corpo.
Você sobe, eu desço, pois os grilhões prateados**** me puxam para baixo.
Mas, volto contente por tê-la conhecido; por você ter-me deixado abraçá-la.
E agradeço Aquele Alguém Secreto, por ter-me dado essa chance e essa honra.
Sabe, tê-la conhecido foi o meu presente de aniversário.
Pequenina, vê-la se libertando da dor me encheu de alegria e consciência.
Hoje, quando completo mais um ano de “encadernação”, você me encheu de vida.
Na Luz de sua partida, foi o meu coração que se iluminou mais um pouco.
Volto contente, para contar aos homens que uma estrelinha voltou para casa.
Para confortar outros que perderam suas pequeninas e nada viram.
Para que eles saibam que há Alguém Secreto para cada uma delas.
Alguém que embala o sono delas na Luz.
Alguém, a quem agradeço pelo presente desse dia.
 
Paz e Luz.
 
- Wagner Borges -
(Sujeito com qualidades e defeitos, que desceu novamente na Terra em setembro de 1961, para aprender um monte de coisas; mestre de nada e discípulo de coisa alguma, e que agradece demais aos mentores espirituais, pelo carinho e paciência.)
 
- Notas:
* Corpo espiritual - Cristianismo - Cor. I, cap. 15, vers. 44.
Sinonímias: Corpo astral - do latim, astrum - estrelado - expressão usada pelo grande iniciado alquimista Paracelso, no séc. 16, na Europa, e por diversos ocultistas e teosofistas posteriormente.
Perispírito - Espiritismo - Allan Kardec, séc. 19, na França.
Corpo de luz – Ocultismo.
Psicossoma - do grego, psique - alma; e soma, corpo. Significa literalmente "corpo da alma" - Expressão usada inicialmente pelo espírito André Luiz nas obras psicografadas por Francisco Cândido Xavier e por Waldo Vieira, nas décadas de 1950-1960, que atualmente é mais usada pelos estudantes de Projeciologia.
** Cármicas - do sânscrito, karma, ação; causa - toda ação gera uma reação correspondente; toda causa gera o seu efeito correspondente. A esse mecanismo universal, os hindus chamaram “carma”. Suas repercussões na vida dos seres e seus atos podem ser denominados de conseqüências cármicas.
*** Projeção da consciência – é a capacidade parapsíquica - inerente a todas as criaturas -, que consiste na projeção da consciência para fora de seu corpo físico.
Sinonímias: Viagem astral – Ocultismo.
Projeção astral – Teosofia.
Projeção do corpo psíquico - Ordem Rosacruz.
Experiência fora do corpo – Parapsicologia.
Viagem da alma – Eckancar.
Viagem espiritual – Espiritualismo.
Viagem fora do corpo – Diversos projetores extrafísicos e autores.
Emancipação da alma (ou desprendimento espiritual) – Espiritismo.
Arrebatamento espiritual - autores cristãos.
**** Grilhões prateados – metáfora para os filamentos energéticos do cordão de prata.
Obs.: Cordão de prata – Bíblia; Eclesiastes, cap. 12 – versículo 6 - é o conduto energético que liga o corpo espiritual ao corpo físico; cordão astral, cordão fluídico; cabo astral, cordão de luz; laço vital; fio de prata; cordão perispirítico.
 

ImprimirEmail