A ENERGIA DAS PLANTAS NO EQUILÍBRIO DA ALMA

- Prefácio de Wagner Borges - Caro Bruno, é com satisfação que escrevo o prefácio do seu livro. No entanto, quero fazer isso de forma diferente. Quero passar uma mensagem do verde, para você e para os leitores. É o seguinte: eu estava sentado na grama verdinha, quando escutei uma canção. Ela falava de uma união; de mãos nas mãos e corações unidos. Falava de seres de luz que jamais vêem fronteiras ou a cor da pele de alguém. Cantava o amor incondicional e a quebra das correntes do egoísmo.
Eu não escutava com os ouvidos físicos, mas com os sentidos do espírito. Parecia que a própria grama participava disso; o verde cantava junto. Então, vieram os espíritos da natureza e começaram a dançar em volta. Ah, como eu me lembrei dos ensinamentos xamânicos, que sempre falaram disso... E também dos iniciados celtas de outrora, todos amantes da natureza. E do Pai Joaquim de Aruanda, que, em sua simplicidade e sabedoria, dizia: “O verde das ervas está cheio de luz. Mas é preciso humildade para sentir isso!” Por fim, lembrei-me de seu trabalho com os chás e do seu amor pelo verde. E aí, surgiu em minha tela mental frontal interna - sede do chacra frontal** - uma imagem projetada pelos seres de luz da canção. Era um imenso coração verde-brilhante. No mesmo instante eu soube que era um presente para você e para os leitores. Assim, ofereço a você e aos leitores do livro essa visualização com o verde do coração. Que ele simbolize o amor e a dedicação que você tem pelas energias dos chás de ervas; que essa energia possa acompanhar o seu trabalho, inspirando-o, cada vez mais, a levar esse conhecimento da natureza ao maior número possível de pessoas. É isso! Que o coração do verde ilumine essas páginas. Paz e Luz. - Wagner Borges – Nascido no Rio de Janeiro em 1961, é projetor-pesquisador, sensitivo espiritualista, radialista, conferencista, e escritor - autor de dez livros: "Viagem Espiritual Vols. 1, 2 e 3", "Uma lição Extraterrestre", "Falando de Espiritualidade”, “Companhia do Amor - A Turma dos Poetas em Flor Vols. 1 e 2”, “Falando de Vida Após a Morte”, “Ensinamentos Extrafísicos e Projetivos”, e “Na Luz de Krishna”. É o fundador do Instituto de Pesquisas Projeciológicas e Bioenergéticas - IPPB – (http://www.ippb.org.br), em São Paulo. É colaborador de várias revistas dentro da temática espiritual: Revistas “Sexto Sentido”, “Espiritismo e Ciência”, e “Revista Cristã de Espiritismo” – É consultor da Revista UFO. Também colabora com artigos em vários jornais: “Jornal de Umbanda Sagrada”, “Jornal O Legado”, e “Jornal O Guaíra”. É colunista dos sites “SomosTodosUm” - www.somostodosum.com.br - e “Guruweb” - www.guruweb.com.br -, e vários outros sites da Internet também reproduzem seus textos. É o produtor e apresentador do programa “Viagem Espiritual”, na Rádio Mundial de São Paulo – 95,7 FM. (às 5as feiras, das 19h às 20h.) É instrutor de cursos de Projeção da consciência - viagem astral, Bioenergia - aura e chacras, Hinduísmo, Taoísmo, Hermetismo, Mediunidade, Obsessão e desobsessão, Espiritualidade celta, Espiritualidade xamânica e temas espirituais em geral.

* O livro “Fitoenergética – A Energia das Plantas no Equilíbrio da Alma”, de autoria do terapeuta holístico Bruno Gimenes, é obra independente, fruto do esforço do autor, que editou o livro por conta própria. Por enquanto, é encontrado apenas em algumas livrarias do Rio Grande do Sul - onde o autor mora, na cidade de Gramado. O livro também pode ser adquirido no IPPB - Fones: (11) 6163-5381 e 69157351 – das 11h às 17h - ou diretamente com o autor, em seu site - que remete pelo correio para todo o Brasil: www.luzdaserra.com.br ** Chacras - do sânscrito – são os centros de força situados no corpo energético, que têm como função principal a absorção de energia (prana, chi) do meio ambiente para o interior do campo energético e do corpo físico. Além disso, servem de ponte energética entre o corpo espiritual e o corpo físico. O chacra frontal é o centro de força situado na área da glabela, no espaço espiritual interno da testa. Está ligado à glândula hipófise – pituitária - e tem relação direta com os diversos fenômenos de clarividência, intuição e percepções parapsíquicas. É o chacra da aprendizagem e do conhecimento.

ImprimirEmail