NA PRESENÇA DA LUZ ROSA DO AMOR

O Amor é uma Presença.

É algo especial, dotado de um brilho rosa.

Muitos falam dele, poucos o conhecem realmente.

Costumam misturá-lo com emoções estranhas.

Para muitos, ele é uma quimera poética.

Para outros, só o silêncio responde pelo olhar.

No silêncio, um brilho rosado.

Alguém o vê?

Mesmo no coração incerto, a Presença é certa!

O Amor sabe esperar o despertar.

Ele não chega ou sai, apenas é!

Quem o procura, não acha.

Quem se procura, desperta e acha a Presença.

Então, faz a canção, acha a magia e acende a chama...

E o rosa verte pelos olhos...

O toque porta a cura...

A Presença é um presente.

Poucos entendem isso.

Mas o coração desperto sabe!

Quem o compreende, compreende.

(Esses escritos são dedicados à Presença que mora nos corações. Que Ela possa despertá-los. E que o brilho rosado aconteça em seus olhares).

Paz e Luz.

- Wagner Borges – São Paulo, 07 de janeiro de 2003.
 

ImprimirEmail